sábado, 11 de julho de 2009

Um poema da amiga Eclípse

Desejos

Dedilhando teus dedos passeiam em meus seios...
tocando-os eriçando-os...
passeiam pela minha vagina...
tocando meu clitóris....entumecendo-o...

Teus lábios abocanham meus seios...
mordiscando os bicos..quentes de desejo...
abocanham meus montes...
vales...esconderijos....

Teu corpo sobre o meu
Me segura...me abro inteira
Você me preenche com tesão...
Sinto seu penis em pulsação...

Estocadas intensas...
Só consigo gemer...
Quase não posso respirar
Mas imploro para não parar.

Fico de quatro...
Enquanto seguras minhas ancas
Me tome como macho
Pois sou tua femea no cio...

Um comentário: